Como funciona o marketing digital

Entender como funciona o marketing digital é aprender sobre a forma mais eficaz de marketing inventada até o momento. E os resultados obtidos de diferentes perspectivas e negócios e, no mundo afora estão aí para comprovar.

como funciona o marketing digital

Antes da pandemia da COVID-19 já acompanhávamos no Brasil e em todo o globo uma tendencia crescente de compras feitas na Internet. Muitas empresas já tinham migrado em massa da publicidade tradicional para a publicidade digital.

Todavia, o surgimento do coronavírus afetou todas as partes de nossas vidas, desde os lugares que podemos ir até a forma como gastamos nosso tempo, as prioridades que temos e a maneira como gastamos nosso dinheiro.

Todas as transformações pelas quais passaram o mundo desde então têm ramificações por todos os lados do cotidiano das pessoas e dos negócios. Da mesma forma no como funciona o marketing digital e a publicidade.

Podemos afirmar atualmente que somente com a adoção do marketing digital, a grande maioria das empresas conseguirá criar visibilidade para suas marcas, gerar leads e vender.

Atualmente o marketing digital é muito mais do que ele aparenta ser e do que muitos de nós pode imaginar. Primordialmente ele é a arma tecnológica mais avançada para ajudar as empresas a sobreviver e crescer neste novo cenário de tantos desafios.

Entretanto isso nos leva à questão de como exatamente funciona o marketing digital? Quais são os principais aspectos que devemos considerar nos dias de hoje?

O que é marketing digital?

O marketing digital é uma disciplina para a promoção dos produtos ou serviços que as marcas utilizam para se conectar com clientes em potencial usando a internet e as plataformas digitais. Nele incluem-se o e-mail, as mídias sociais e a publicidade na web. Da mesma forma mensagens de texto e multimídia como canais do marketing digital.

Para entender como funciona o marketing digital vamos dividi-lo em algumas das suas estratégias mais conhecidas:

O marketing digital funciona como uma disciplina pois além da Internet e plataformas digitais ele também exige uma infinidade de expertises para a produção de análises e relatórios. De maneira identifica de tecnologias para rastreamento, comunicações, sistemas e até mesmo o próprio produto digital em muitos casos.

Por exemplo, a construção de modelos de atribuição e segmentação no marketing móvel e no gerenciamento de canais (Instagram, SEO, PPC), requerem conhecimento, experiência e expertise exclusivos e altamente especializados.

Otimização para motores de busca - (SEO)

SEO Google

SEO é uma ferramenta de marketing e, não uma forma de marketing propriamente. Podemos dizer que ele o SEO é parte arte e parte ciência no intuito de tornar as páginas do seu site atraentes para os motores de busca.

Entender sobre SEO é crucial para o entendimento geral sobre como funciona o marketing digital. Podemos dizer que o SEO é, por analogia, a soma, no ensino fundamental.

O SEO é uma ciência porque ele exige que você pesquise e avalie os diferentes fatores que contribuem para alcançar a mais alta classificação possível. São três os principais componentes do SEO que influenciam muito para a obtenção de sucesso a partir das suas ações.

Elemento técnico –Comumente o chamamos de SEO on page.

Ótimo conteúdo –Ele é a parte mais importante!  Aqui entra a arte na produção de conteúdo que atrai, retem e engaja seu público-alvo. Conteúdo de baixa qualidade não atrai usuários nem promove a classificação do seu site. É tão simples quanto isso.

Backlinks de qualidadeBacklinks aumentam a autoridade do seu site. Você pode ter um ótimo conteúdo e um site perfeitamente otimizado, mas, no final das contas, você precisa ganhar autoridade obtendo backlinks de qualidade.

Em SEO, não existe uma rubrica quantificável ou regra consistente para uma classificação elevada. O Google muda seu algoritmo quase constantemente, então é impossível fazer previsões exatas. O que é possível fazer é monitorarmos de perto o desempenho da página e fazer os ajustes necessários.

Criamos este curso de SEO para você, executivo ou especialista,  que precisa aprender sobre o tema, mas não sabe por onde começar. Nele você aprenderá tudo o que é necessário saber para entender como funciona o marketing digital da perspectiva do SEO. Da mesma forma para se autodesenvolver em SEO por conta própria!

Marketing de mídias sociais (SMM)

redes sociais - marketing digital

O marketing de mídias sociais é uma das ferramentas mais poderosas e democráticas para as marcas alcançarem seus clientes potenciais e atuais. Não importa o tamanho da sua empresa, seja ela pequena ou grande, o marketing de mídias sociais é acessível para todos. Muito provavelmente seus clientes potenciais já estão interagindo com marcas concorrentes pelas mídias sociais e, se você não está falando diretamente com eles pelas diferentes plataformas do Facebook, Instagram, LinkedIn, Twitter e Pinterest, está perdendo espaço e oportunidades.  Para fazer um bom marketing nas mídias você precisa dominar como funciona o marketing digital orientado para cada uma das plataformas que pretende trabalhar. Ao fazer isso, você se posiciona para trazer sucesso para o seu negócio, criando defensores dedicados à sua marca, ao mesmo tempo que geram leads e vendas.

Primordialmente o marketing de mídias sociais cria e o compartilha conteúdo nas redes sociais para atingir seus objetivos de marketing e branding. Da mesma forma ele inclui atividades como interagir com seus seguidores e postar atualizações de texto e imagem, vídeos e outros conteúdos que impulsionam o envolvimento do público-alvo, bem como publicidade paga em mídia social.
 

Se questione sempre nas mídias sociais

Antes de começar a criar campanhas de marketing para as mídias sociais, procure estabelecer metas para seu negócio. Começar uma campanha de marketing, não somente nas mídias sociais, mas também em qualquer outra frente do marketing digital, sem uma estratégia em mente é como navegar sem bussola e destino definido.

De antemão questione-se sempre sobre o seguinte:

  • Qual é o seu público-alvo?
  • Onde está seu público-alvo?
  • Quais as mídias sociais que eles mais frequentam?
  • Como seu público-alvo utiliza as mídias sociais?
  • Que mensagem você deseja enviar para ele?
  • Quais metas e objetivos você espera atingir com o marketing de mídias sociais?

As mídias sociais criam oportunidades de ouro para a marcas falarem sobre seus produtos e serviços para seus clientes em potencial. De maneira identifica elas também possibilitam fazer atendimento aos seus clientes por elas e assim estreitar mais a relação com eles. O que chamamos de atendimento social. Elas são muitos versáteis e você pode utilizá-las de múltiplas formar e não somente para veicular campanhas publicitárias, concursos, e divulgar seu conteúdo.

Publicidade paga por clique (pay-per-click ou PPC)

PPC

Pay-per-click (PPC) é um outro elemento fundamental para você entender como funciona o marketing digital. Ele é um modelo de publicidade digital em que o anunciante paga a um editor toda vez que um link de anúncio recebe um clique. Um elemento importante do PPC é conhecido como modelo de custo por clique (CPC). O modelo de pagamento por clique é oferecido pelo Google e pelo Facebook, por exemplo. Google Ads, Facebook Ads e Twitter Ads são as plataformas mais populares para publicidade PPC.

O modelo de pagamento por clique é baseado principalmente em palavras-chave. Por exemplo, no Google, os anúncios, também conhecidos como links patrocinados, só aparecem quando alguém procura por uma palavra-chave relacionada ao produto ou serviço anunciado. Portanto, as empresas que dependem de modelos de publicidade pay-per-click pesquisam e analisam as palavras-chave mais relacionadas com seus produtos ou serviços. Investir em palavras-chave relevantes resulta em um número maior de cliques e, eventualmente, em mais vendas.

Importância e vantagens do pay-per-click

No que diz respeito aos editores, caso do Google e Facebook, por exemplo, o PPC é somente sua principal fonte de receitas! Ao passo em que eles oferecem serviços gratuitos de pesquisas na web e nas plataformas sociais para o público consumidor, as empresas, seus clientes, monetizam, os produtos dos editores com publicidade digital pagam, neste caso o PPC.

Para anunciantes, o modelo é vantajoso porque fornece uma oportunidade de anunciar produtos ou serviços para um público específico que está ativamente procurando por conteúdo relacionado. Além disso, uma campanha de publicidade PPC bem projetada permite que um anunciante economize dinheiro, pois o valor de cada visita (clique) de um cliente potencial retorna em muitas vezes o custo do clique pago a um editor.

Normalmente, os valores da publicidade PPC são determinados usando o modelo de taxa fixa ou o modelo baseado em lance.

PPC - modelo de taxa fixa

No modelo de taxa fixa de pagamento por clique, o anunciante paga ao editor uma taxa fixa por cada clique recebido. Os editores geralmente possuem uma lista de diferentes valores de PPC que se aplicam a diferentes áreas de seus sites. Há editores que estão abertos a negociações sobre o preço. É muito provável que um editor forneça preço mais competitivo se um anunciante oferecer um contrato seja de longo prazo ou de mais alto valor.

PPC - modelo baseado em lances

No modelo baseado em lance, cada anunciante faz um lance com um valor máximo estipulado que está disposto a pagar por um dado espaço publicitário. Em seguida, o editor realiza um leilão usando ferramentas automatizadas. Um leilão é feito sempre que um visitante aciona o espaço do anúncio.

Tenha em mente de que o vencedor de um leilão geralmente é determinado pela classificação, não pelo valor total, do dinheiro oferecido. A classificação considera o montante de dinheiro oferecido assim como a qualidade do conteúdo do anunciante. Assim, a relevância do conteúdo é tão importante quanto o lance.

Estratégia PPC – aprenda a usar

Administrar um negócio online não é brincadeira, especialmente quando você tem que competir com gigantes como a Amazon, que têm um orçamento de marketing infinito para abastecer sua publicidade. A corrida para chegar à primeira página de resultados de pesquisa do Google é altamente competitiva. Tentar chegar à primeira página, mesmo com um SEO excelente, pode facilmente levar meses ou até um ano. Aqui entra o PPC para lhe ajudar a encurtar o caminho até a primeira página.

Agora que você já sabe o básico sobre PPC. Da mesma forma como ele é um elemento fundamental para você entender como funciona o marketing digital. É imprescindível conhecer o Google AdWords. Ele é o serviço de publicidade do Google que permite às empresas exibir seus anúncios nas páginas de resultados de pesquisa do Google.  Aprofunde-se no tema lendo nosso artigo Google Ads: Guia para usar a ferramenta.

E-mail marketing

Email marketing

Antes de mais nada, saiba que o e-mail marketing ainda é o canal de marketing direto mais efetivo, gerando um retorno médio de 40 vezes o valor investido, segundo um estudo da DMA Marketer Email Tracker, de 2019.

Portanto o e-mail deve ser um pilar fundamental do seu entendimento de como funciona o marketing digital e da sua estratégia. Não fazer e-mail marketing é um erro crasso, é como dirigir um carro com o freio de mão puxado.

E-mail marketing é uma vasta disciplina e, portanto, e fácil para quem está começando se perder num universo de tecnologias, técnicas e terminologias.

Logo, é melhor você investir e priorizar seu aprendizado em como fazer e-mail marketing antes de executar sua primeira campanha. Dessa forma, você obterá melhores resultados e evitará perda de tempo, esforço desnecessário e dinheiro.

O básico do e-mail marketing

O conceito por trás do e-mail marketing é bem simples:  enviamos uma mensagem na expectativa de que o cliente em potencial clique nela. No entanto, a execução é bem mais complexa. Em primeiro lugar, é necessário garantir que os e-mails enviados serão desejados por quem os recebe. Em outras palavras você deve:

  • Criar a lista de destinatários somente com quem você acredita que terá potencial interesse na sua mensagem;
  • Procurar individualizar o conteúdo tanto o quanto possível no corpo quanto na linha de assunto do e-mail;
  • Oferecer uma opção de cancelamento de recebimento dos e-mails de forma simples e fácil;
  • Acompanhar as estatísticas de performance de cada e-mail enviado e atuar nos dados gerados a partir delas.

A boa prática recomenda que todas as ações no e-mail marketing devem se orientar para que seus clientes potenciais encarem cada mensagem que recebem como uma informação de valor e, não apenas como uma ferramenta promocional.

O e-mail marketing bem-feito, tem um poder enorme de ajudar a conduzir os clientes potenciais para o funil de vendas. De maneira idêntica a incentivar os clientes existentes a passarem mais tempo com a marca. No entanto, o e-mail marketing sozinho não faz milagres. Acima de tudo ele deve ser combinado com outras estratégias. Por exemplo, com o marketing de conteúdo, os anúncios PPC e as mídias sociais.  Neste artigo nós exploramos  bem essa ação conjugado do e-mail marketing e redes sociais.

Marketing de conteúdo

Blog - marketing de conteúdo

O marketing de conteúdo é outro elemento indispensável, para você que chegou até aqui na leitura deste texto e, busca compreender como funciona o marketing digital.  O marketing de conteúdo é o responsável pela geração de conteúdo atrativo, relevante e com a cara da sua audiência. Ele é o melhor instrumento para de criar adesão entre uma marca e seu público-alvo. Literalmente, o desafio do marketing de conteúdo e falar e convencer. Quando ele é bem-feito, gera mais engajamento, leads e conversão.

A principio, seu entendimento é muito simples. Quando um cliente busca uma informação, ele procura por informações que o ajudem, com elementos claros, objetivos e que deem luz às dores dele. Algumas formas de marketing de conteúdo são: vídeos, depoimentos, ebooks, podcasts, infográficos, postagens em blogs e postagens em redes sociais.

Acima de tudo, SEO e marketing de conteúdo estão umbilicalmente conectados. Em outras palavras: não há sucesso no marketing de conteúdo se sua estratégia de SEO não for boa. O conteúdo é rei, mas ele só reina com uma rainha, o SEO!   

Conheça nosso Guia para a otimização do conteúdo para SEO.

Para fazer um marketing de conteúdo que realmente gere resultados, é preciso estar atento a:

  • Escolha dos temas e palavras-chave;
  • Inclusão de gatilhos mentais;
  • Divulgação do Material Produzido. Aqui você pode usar o e-mail marketing, por exemplo.

A primeira coisa que você deve fazer no marketing de conteúdo é compreender de verdade profundamente seu público-alvo. De uma outra forma, não se trata somente de explorar os dados demográficos. Devemos conhecer a comunidade e suas dores. Devemos desenhar da melhor forma o avatar da empresa, correlacionando com as necessidades do seu nicho de atuação.

Faça o mapa de empatia do seu público-alvo

O Mapa de Empatia para a sua marca. Através desse mapa é possível entender melhor a personalidade do seu cliente. O conhecimento do seu público-alvo demanda respostas para 6 perguntas:

  • Ele pensa ou sente o que ?
  • O que ele ouve?
  • Ele vê o que?
  • O que ele fala e faz?
  • Quais são suas dores?
  • Suas necessidades, quais são?

Seu marketing de conteúdo será tão poderoso quanto a clareza da sua mensagem com relação aos produtos e serviços oferecidos. 

A segunda coisa a fazer é pesquisar e entender o que a sua concorrência está fazendo. Nunca, em hipótese alguma, disponibilize informações desgastadas e batidas na internet, fora do contexto do seu público-alvo. Ao invés de atrair você irá afastar seu público-alvo.

O marketing de conteúdo tem uma posição de destaque no marketing digital. Quaisquer que sejam as estratégias de marketing digital que você tenha em mente, o marketing de conteúdo não deve ficar de fora. Sem ele você não somente não será capaz de construir uma base de clientes, mas também não será efetivo para criar visibilidade para sua marca e engajar seu público-alvo para ter interesse em seu negócio.

Em síntese, o marketing de conteúdo é o motor que irá promover seu negócio por meio da interação com seus clientes e convencê-los a comprar.

Veja aqui como elaborar um marketing de conteúdo realmente atraente.

Otimização da taxa de conversão (CRO)

CRO e KPIs de marketing digital

CRO é o processo de otimizar a experiência do visitante no site ou em uma dada página de destino com base no seu comportamento no site, no intuito de aumentar a probabilidade de ele realizar as ações desejadas na referida página.

A princípio, quando não conseguimos direcionar os visitantes para nosso funil de conversão na primeira tentativa, a probabilidade de eles voltarem e realizarem a ação desejada é muito baixa. Em outras palavras, temos nesse cenário uma oportunidade perdida. Portanto a melhor maneira de aumentar as chances de se obter mais conversões é executando campanhas eficazes de otimização da taxa de conversão. Logo, compreender sobre otimização de taxa de conversão é fundamental para saber como funciona o marketing digital em uma amplitude maior.

Uma boa campanha de otimização da taxa de conversão se traduz em economia de tempo, dinheiro e esforços. Além disso ela também permite explorar novas estratégias de crescimento. Em outras palavras, a otimização da taxa de conversão nos ajuda você a entender melhor a usabilidade do site, ao mesmo tempo que fornece informações valiosas sobre o comportamento do cliente e sobre como tornar a experiência do usuário melhor para atender às metas do negócio.

A otimização da taxa de conversão ou CRO é um processo contínuo de aprendizado e otimização. Portanto não ignore o fato do aspecto contínuo. Quem perde é seu negócio!

Leia nosso artigo 11 maneiras para melhorar a performance do site e aumentar suas vendas.

Como funciona o marketing digital para afiliados

Marketing de afiliados - como funciona

O marketing de afiliados é mais uma forma de marketing digital. Afiliados são pessoas que promovem ativamente produtos e serviços de anunciantes na web, normalmente por meio de blogs em um site, e nas plataformas sociais em troca de uma comissão.

Para as pessoas que não têm seu próprio e-commerce, o marketing de afiliados é uma forma simples de ganhar dinheiro com um site ou blog. Dependendo do contato entre o afiliado e o anunciante, pode ser uma forma de marketing muito bem-sucedida.

Uma característica comum é que sua remuneração é variável. Normalmente, trata-se de uma porcentagem ou valor por compra. Se alguém clicar em links de blogs ou newsletters e comprar um produto ou serviço, o afiliado ganha comissão.

Ao contrário do influenciador ou do marketing de conteúdo, um afiliado geralmente não é pago para dizer ou fazer menção a algo. Em contrapartida a geração do tráfego é normalmente por conta e risco do afiliado. Ele só ganha dinheiro se as pessoas clicarem no site do anunciante por meio de seu site e comprarem um produto ou serviço lá. Os ganhos no marketing de afiliados, portanto, dependem dos resultados. Um afiliado só ganhará dinheiro se também beneficiar o anunciante.

O marketing de afiliados é uma tática cada vez mais popular para capturar leads, impulsionar as vendas e gerar receitas na web. Acima de tudo, ele é extremamente benéfico e lucrativo quando bem implementado. E não somente para as marcas, mas também para os afiliados.

Temos este artigo bastante visitado no nosso Blog que trata com mais profundidade sobre o tema. Marketing de afiliados em 2021: o que é e como você pode começar.

Como funciona o marketing digital no B2B e B2C

O marketing digital funciona tanto para empresas B2B quanto B2C, mas as melhores práticas são diferentes para cada uma delas.

Os clientes B2B tendem a ter jornadas de compras e o processo de tomada de decisão mais longos. As estratégias de construção de relacionamento funcionam muito bem para esses clientes corporativos, pessoa jurídica. De uma outra forma, os clientes B2C tendem a responder melhor a ofertas e mensagens no curto prazo.

Os negócios no B2B, geralmente, são feitos baseados na lógica, racionalidade e na evidência que é por onde os profissionais de marketing digital orientados ao B2B procuram desenvolver suas estratégias. Por outro lado, o conteúdo B2C normalmente foca no emocional e pessoal, ele se orienta a fazer o cliente se sentir bem com a compra.

As decisões no B2B tendem a ser partilhadas por mais de duas pessoas. Os materiais de marketing que melhor orientam essas decisões tendem a ser compartilhados. Os clientes B2C, por outro lado, preferem conexões individuais com uma marca.

Desde já, existem exceções a todas as regras. Uma empresa B2C com um produto de valor expressivo, como um celular ou um equipamento de home theater de marca, pode oferecer conteúdo mais informativo e sério. Nesse sentido a estratégia sempre precisará ser voltada para a própria base de clientes, do negócio, seja ele B2B ou B2C.

Chegamos ao fim sobre como funciona o marketing digital

Esperamos ter cumprido a missão de explicar como funciona o marketing digital. Ele é o melhor e mais efetivo marketing atualmente. Enquanto não inventarem nada diferente o marketing digital ainda é o futuro. Além de todas os potencialidades e possibilidades que abordamos ao longo deste artigo, você pode acompanhar os resultados de seus esforços de marketing digital com muita precisão. Em outras palavras é fácil ver quais estratégias estão produzindo resultados e quais precisam de refinamento.

Enfim, se este artigo o convenceu de que você precisa de marketing digital, ou precisa melhorar sua atuação no marketing digital entre em contato conosco! 

Visite nossa página principal e conheça mais sobre nossos serviços de marketing digital.

Adoramos ajudar as empresas a crescer com marketing digital!

Parceiros e comunidades

Quer saber como podemos ajudá-lo na sua jornada digital ?

Algumas das comunidades em que estamos engajados

Rolar para cima
logotipo da wedoiti

Deixe seus dados que entraremos em contato